logo

                                       004563 d3a64bb59a9b48938200c969704a5484 mv2 d 2153 2043 s 2

Município de Chapada tem número menor de famílias cadastradas no Bolsa Família em comparação ao início deste ano

O Cadastro Único para Programas Sociais reúne informações socioeconômicas das famílias brasileiras de baixa renda – aquelas com renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa. Essas informações permitem ao governo conhecer as reais condições de vida da população e, a partir dessas informações, selecionar as famílias para diversos programas sociais.

No Município, o total de famílias inscritas no Cadastro Único em junho de 2018 era de 1.118 dentre as quais:

84 com renda per capita familiar de até R$ 85,00;

77 com renda per capita familiar entre R$ 85,01 e R$ 170,00;

239 com renda per capita familiar entre R$ 170,01 e meio salário mínimo;

718 com renda per capita acima de meio salário mínimo.

Em paralelo com o cadastro único o Programa Bolsa Família (PBF), que também integra os programa das assistência social, é um programa de transferência condicionada de renda que beneficia famílias pobres e extremamente pobres, inscritas no Cadastro Único.

Se analisarmos os números do PBF, este beneficiou, no mês de agosto de 2018, 142 famílias, 25 famílias a menos, se comparado ao mês de fevereiro deste ano, e se comparado ao ano de 2010, havia 258 famílias que recebiam o Bolsa Família, totalizando 116 famílias que não mais necessitam do benefício em comparação com os dados atuais. Ainda, os dados do atual momento representam uma cobertura de 50,7 % da estimativa de famílias pobres no município. As famílias recebem benefícios com valor médio de R$ 138,01 e o valor total transferido pelo governo federal em benefícios às famílias atendidas alcançou R$ 19.597,00 no mês.

O processo de incentivos prestados para diversas indústrias faz com que o município de Chapada se destaque na geração de emprego. Com as ações na geração de emprego e renda, o município vem diminuindo cada vez mais o número de famílias cadastradas no Programa Bolsa Família, não sendo mais necessário utilizar o benefício, pois famílias antes desempregadas e sem renda, hoje possuem um trabalho digno que oferece o seu sustento.

O período consultado junto ao CAGED - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados foi de: Dezembro/2017 – Junho/2018 totalizando o percentual de 56,55% de admissões em nosso município.

 

Informações: MDS.gov.br/sagi

 

http://bi.mte.gov.br/bgcaged/caged_perfil_municipio/index.php

Imprimir Email