logo

chapadafest

ASSINADO CONTRATOS PARA CONSTRUÇÃO DE 23 CASAS NO INTERIOR DO MUNICÍPIO

A Prefeitura Municipal de Chapada, através da Secretaria da Saúde e Ação Social, juntamente com o setor de habitação e em parceria com o Banco do Brasil, realizou na manhã de terça-feira, 12 de novembro, a assinatura de 23 contratos para construção de casas nas localidades do interior do município.

As 23 famílias beneficiadas com o projeto “Casa Nova, Vida Nova” receberam o valor de R$ 28.500,00 a fundo perdido, do Governo Federal, sendo que o valor de contrapartida, que cada família deverá retornar, é de apenas 4% do valor, pago em 4 parcelas anuais de R$ 285,00. O prazo para construção das casas é de um ano contado a partir da assinatura do contrato.

Esteve presente o Prefeito Municipal, Carlos Catto, a Vice Prefeita, Loiva Mirna Gauer, o Presidente do Legislativo, Paulo Jair Costa Campana, Vereadores, Adélio Alves, Nilton Muhl e Vilmar Rambo, Gerente do Banco do Brasil, Alberto Tomazoni, Secretários Municipais, Ademir de Araújo e Silva e Rogério Bays, Diretor da Habitação, João Carlos Werner, imprensa local e as famílias beneficiadas.

O Diretor da Habitação falou da alegria de poder fazer parte deste momento e possibilitar que 23 famílias sejam beneficiadas com recursos para construir um sonho. Segundo João Carlos Werner, mais 25 casas estão sendo encaminhadas através do programa que beneficia as pessoas que já possuem terreno próprio. Outras 35 estão aguardando liberação do loteamento, que está em análise quanto às questões ambientais, para serem construídas.

O Prefeito Municipal destacou a importância não somente da conquista da casa própria para as famílias, mas também a vinda de mais de R$ 600 mil a fundo perdido para investimentos no município no meio rural, gerando a demanda de novos empregos. Mesmo com o curso de capacitação de Carpinteiro, oferecido pelo PRONATEC através do CRAS, será necessário mais mão de obra para construção dessas casas.

Além dos benefícios para construção das novas casas, o projeto prevê o acompanhamento e auxílio das famílias através de palestras e oficinas, conduzidas pelo CRAS, sobre saúde mental e física, educação ambiental, geração de trabalho e renda.

O tamanho e modelo das casas são padronizados conforme especificações exigidas pelo Governo Federal para liberação dos recursos, contendo uma área de 47,60m². As moradias serão construídas nas seguintes comunidades: 03 unidades no Distrito de Boi Preto, 01 na Linha Bom Pastor, 01 na Linha Bonita, 01 na Linha Borges de Medeiros, 02 na Linha São Paulo, 01 na Linha Ventania, 01 no Distrito de Santana, 06 na Linha São Francisco, 03 na Linha São João, 02 na Linha Santo Antônio, 01 no Distrito de Tesouras e 01 no Distrito de Vila Rica.

 

Imprimir Email